alentejo exportar
As reuniões decorrem em simultâneo e por videoconferência nas instalações do Nerbe/Aebal, Nere, Nerpor e Sines Tecnopolo, de manhã, está em destaque a fileira dos produtos da Terra e do Mar, de tarde, a fileira dos produtos tradicionais do Alentejo.

O Alentejo Exportar Melhor, projecto aprovado pelo Programa Operacional Regional do Alentejo, que junta as associações empresariais de Beja, Évora, Portalegre e Sines, representando as micro, pequenas e médias empresas do Baixo Alentejo, Alentejo Central, Norte Alentejo e Alentejo Litoral, conta com a adesão de cerca de 60 empresas, oriundas de sectores de actividade totalmente alinhados com Estratégia Regional de Especialização Inteligente do Alentejo.

As reuniões agora agendadas surgem tendo em vista a internacionalização dos bens e serviços produzidos por estas empresas da região, de maneira a identificar oportunidades de negócio em cada um dos quatro mercados e para cada um dos sectores de actividade presentes. Nas reuniões vai ser prestada informação sobre o que fazer e como fazer, quanto ao processo de internacionalização das empresas aderentes para cada um destes alvos de mercado.

Comente esta notícia