sede EDIA Beja
Este projecto pretende avaliar a viabilidade técnica, económica e ambiental da rotação entre culturas de regadio na zona de Alqueva, nomeadamente milho, cevada dística e girassol de maneira a poder definir-se um itinerário técnico que permita aos agricultores da região optarem pelas culturas que melhor cumpram os objectivos propostos.

A opção da implementação deste projecto na zona de Alqueva, prende-se com o facto, desta região ter ao dispor brevemente cerca de 120 mil hectares irrigados, numa zona tradicionalmente de sequeiro. Desta forma, é fundamental dotar os agricultores desta região de ferramentas de conhecimento que lhes permitam optar pelas soluções técnicas, ambientais e económicas que melhor assegurem o futuro da sua actividade agrícola.

Neste workshop vão ser apresentados testemunhos de produtores de modo a partilharem a sua experiência relativamente à operacionalização da instalação das culturas no campo, assim como, resultados referentes à Gestão da Rega, aos infestantes, à fertilidade do solo, às pragas e doenças e à qualidade da cevada dística.

Depois do workshop, a EDIA assina com o INIAV-Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, um protocolo de cooperação e intercâmbio com o objectivo de desenvolver acções de colaboração nos domínios de actividade a que se dedicam.


Comente esta notícia