humanamente Cáritas

Este projecto é financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian e Instituto da Segurança Social e tem como parceiros a Associação Alememória e o município de Beja.

O principal objectivo é a prevenção de demências, ocupação do ócio, e do envelhecimento activo, através da teleterapia e da terapia ocupacional. Numa lógica de intervenção multidisciplinar e com recurso a novas tecnologias, procuraremos desta forma atenuar o isolamento da população idosa que a Cáritas já acompanha e contribuir não só para a satisfação das suas necessidades básicas, mas também para a melhoria do seu bem-estar.

A Cáritas afirma que os idosos são o público de risco que está mais vulnerável ao COVID 19, os efeitos provocados pelo período de confinamento e distanciamento social, colocam o público sénior num período indeterminado de tempo, longe da família, dos momentos de convívio, das actividades de rua e interação, podem contribuir para a depressão, baixa auto estima e demência.

 


Comente esta notícia