Gripe

Segundo os dados do Centro de Estudos e Avaliação em Saúde (CEFAR) da Associação Nacional de Farmácias (ANF), além da Região Autónoma da Madeira e do Algarve, é também no concelho de Almodôvar que o surto vai atingir o grau 4, ou seja, uma atividade alta, prevendo-se uma maior afluência aos serviços de saúde.

Quanto aos restantes concelhos do distrito de Beja, o surto atinge o grau 3 (moderado) em 12 concelhos: Aljustrel, Alvito, Barrancos, Castro Verde, Cuba, Ferreira do Alentejo, Mértola, Moura, Odemira, Ourique, Serpa e Vidigueira. Em Beja a intensidade do surto é baixa (grau 2).

Segundo os dados divulgados pelas farmácias, explica o CEFAR, já foi alcançado “o nível de atividade epidémica correspondente ao pico de gripe da temporada do ano passado”.

Ainda de acordo com o CEFAR, “as farmácias rejeitam qualquer razão para alarmismos, até porque o surto do ano passado foi moderado”.

“As pessoas devem é tomar de imediato medidas de prevenção dos contágios, como lavar frequentemente as mãos, evitar ambientes fechados com grande concentração de pessoas e usar lenços descartáveis, aconselham ainda as farmácias”, frisa, ainda, o Centro de Estudos e Avaliação em Saúde.

O “Despertador das Farmácias” prevê a atividade gripal, concelho a concelho, com base nos números diários da dispensa de medicamentos e produtos de saúde. A rede de farmácias atende, em média, 520 mil pessoas por dia. Esse contacto em massa com a população permite antecipar em duas semanas a evolução da epidemia. 


Comente esta notícia

Galeria de fotos