FESTA DO AVANTE 2014
Miguel Ramalho, da DORBE do PCP, afirma que a participação do distrito de Beja na Festa Avante surge integrada no espaço Alentejo.

Gastronomia e vinhos, artesanato, grupos da região, com especial destaque para o cante alentejano, são algumas das propostas que Beja vai apresentar para além da vertente política, neste capítulo destaque para o 40º aniversário da Reforma Agrária e as propostas do PCP para o distrito de Beja e para o Alentejo.

O Avante surge, em 2015, em ano de eleições legislativas, por isso, não é de estranhar, segundo Miguel Ramalho, que a vertente política da festa assuma ainda mais importância.

O Cante Alentejano assume, em 2015, um papel de destaque na festa do Avante, destaque para os espectáculosdo Grupo Coral "Os Mineiros de Aljustrel", no sábado, primeiro, no Palco Arraial, depois, no Palco do Alentejo e ainda, à noite, uma participação especial, no Palco 25 de Abril, com os Expensive Soul.

No domingo, o Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa, tem duas actuações previstas, ao final da tarde, no Palco 25 de Abril, e à noite no Auditório 1º de Maio, como convidados de António Chaínho.

Pedro Mestre, actua também no domingo, primeiro, no Palco do Alentejo, depois, no Auditório 1.º de Maio acompanhado pelos grupos "Os Ganhões de Castro Verde", "Os Camponeses de Pias" e os "Almocreves da Amieira".

Ainda no domingo, no Cineavante, é possível assistir ao documentário "Alentejo, Alentejo" de Sérgio Tréfaut e no Espaço Central, realiza-se a iniciativa "À conversa com...", que vai debater o Cante Alentejano -Património Cultural Imaterial da Humanidade.


Comente esta notícia