EDIA ajuda na pandemia

Noutra vertente, a do apoio a lares, Bombeiros, CERCI Beja e Centro de Paralisia Cerebral de Beja, também a EDIA integrou “o grupo solidário juntando-se à causa «SER HUMANO» lançada pela Cáritas Diocesana de Beja e pela Malhadinha Nova.”

No apoio ao grupo de voluntários, “Em nome da solidariedade”, que juntou, entre outras pessoas, costureiras que estão a produzir Equipamentos de Proteção Individual para o pessoal do Hospital de Beja, a EDIA “entregou cerca de 340 m2 de TNT, Tecido Não Tecido.”

Entretanto, a EDIA juntou-se à “plataforma eletrónica, a OPTA - Organização Pontual no Tempo Atual, que tem como objetivo constituir um «Espaço Solidário e de Partilha», que permita auxiliar e apoiar algumas franjas da sociedade fortemente afetadas pela pandemia Covid-19, nomeadamente o setor do comércio, turismo e cultura, micro empresas, empresários agrícolas, bem como pessoas que se encontrem em regime de layoff. Voluntários da OPTA procederam à recolha de 420kg de nectarinas doados pelo Trevo, para ao Banco Alimentar contra a fome de Beja. “

Com estas parcerias, a EDIA quer “tentar cobrir todas as áreas da sociedade no combate a esta pandemia, juntando-se à luta que cada um, à sua maneira, está a fazer.”


Comente esta notícia