enoturismo

Uma iniciativa que surge em parceria com Comissão Vitivinícola Regional Alentejana, Comissão Vitivinícola Regional do Tejo e Associação de Produtores de Vinhos da Costa Alentejana.

Realizada no âmbito do projecto “Organização, Estruturação e Promoção Empresarial do Enoturismo no Alentejo e Ribatejo”, esta sessão técnica, que amanhã vai decorrer em Vidigueira, na 5ª feira, em Monforte e no dia 12 de Março em Grândola, tem por objectivo apresentar boas práticas de enoturismos nacionais e debater ideias que possam alavancar os enoturismos do território.

Neste sentido, no decorrer do workshop serão abordados temas como “Condições ideias para o enoturismo”, “O enoturismo em Portugal versus enoturismo internacional” e “Investir no enoturismo, uma aposta segura”.

Ceia da Silva, presidente da ERT Alentejo/Ribatejo, afirma que o enoturismo é uma área que já tem importância no distrito de Beja, mas existe ainda um grande potencial que deve ser aproveitado.
Ceia da Silva, destaca ainda o trabalho que tem que ser feito para que, daqui por um ano e meio, o enoturismo seja um produto mais forte, consistente e dinâmico capaz de atrair mais segmentos de mercado.




Comente esta notícia