Lares Odemira

O Município atribuiu o valor de cerca de 113 mil euros à Associação Humanitária D. Ana Pacheco, em Sabóia, cerca de 212 mil euros à Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos da Freguesia de S. Teotónio e 300 mil euros à Casa do Povo de S. Martinho das Amoreiras, o que perfaz um valor de 625 mil euros.

“A verba é destinada à comparticipação das despesas nas obras, já a decorrer, para a ampliação e remodelação de equipamentos residenciais para idosos, nas localidades de Sabóia, S. Martinho das Amoreiras e S. Teotónio, tendo em conta a necessidade de reforço das respostas sociais”, revela a Câmara de Odemira.

No documento é referido, também, que “este apoio tem por objetivo fazer face ao investimento não comparticipado, no âmbito das candidaturas das instituições a financiamento comunitário, que prevê uma comparticipação até ao limite de 85% nos projetos de reconversão ou beneficiação de respostas sociais, no âmbito do Alentejo 2020.”


Comente esta notícia