trigo

Este evento consiste no olhar das várias artes: música, pintura, fotografia, poesia e artes e ofícios tradicionais sobre a alteração paisagística brusca que se processa no Baixo Alentejo, consequência da passagem de uma produção predominantemente de sequeiro para uma produção em regadio, impulsionado pelo plano de desenvolvimento de Alqueva. A organização considera pertinente alertar e envolver a comunidade local, transversal a diversas faixas etárias, para as consequências desta mutação ao nível ambiental.

O curso profissional de Técnico de Organização de Eventos do IEFP é o responsável pela organização da exposição: “Olhares Derramados Sobre a Planície”, que termina nesta quinta-feira, no Centro UNESCO de Beja. 


Comente esta notícia