Javali

O PCP afirma que tem vindo a acompanhar a situação referida em múltiplos relatos de agricultores e produtores florestais, que denunciam o poder destrutivo sobre as culturas agrícolas que o aumento incontrolado das populações de javalis, ou da sua movimentação para zonas agrícolas, tem provocado de Norte a Sul de Portugal”.

Para o PCP, “a situação actual de descontrolo das populações destes animais selvagens estão a elevar a um patamar insustentável, a vários níveis e âmbitos as consequências que tais populações detêm sobre as culturas agrícolas e explorações florestais, o que exige medidas excepcionais de acompanhamento e correção por parte do Governo, incluindo correção legislativa, designadamente na atribuição de responsabilidades directas pelo controlo da espécie em causa, quer em termos de controlo sanitário e de procriação quer, mesmo, de alimentação”.

Considera ainda o PCP que há “necessidade imperativa do Governo assegurar mecanismos e verbas para o justo ressarcimento dos lesados pelos prejuízos provocados por estes animais selvagens”.

O deputado João Dias afirma que é fundamental que o ministério da Agricultura cumpra aquilo que foi aprovado, por proposta do PCP, na Assembleia da República relativamente a esta matéria.




Comente esta notícia

Ainda ontem vinha de Sines a conduzir a viatura e estavam ,pelas 23,40 horas dois javalis a ocupar metade da via eu escapei e o veiculo que vinha atrás também ,tivemos a opurtunidade de circular na outra faixa de rodagem. Não sei se resultou nalgum acidente ,mas ,o perigo era muito grande ,sim.Isto na A 26. Pelo menos que ponham uma placa de sinalização, para as pessoas que estão menos habituadas a lidar com estas travessias.A mim foi a segunda vez que me safei ,a outra tinha sido na Nacional 121 na saida de Santiago .

José Diogo

20/08/2019