Cante Alentejano

A programação da iniciativa divide-se entre Serpa e Lisboa, inclui espetáculos, exposições, lançamento de A Tradição - nova série, revista da Casa do Cante, com o dossiê de candidatura do Cante a Património Mundial, conferências, a apresentação de uma moeda comemorativa da Imprensa Nacional Casa Moeda, assim como a apresentação do Roteiro Digital do Cante, incluído na plataforma de referência Paisagem Id.

A organização é da responsabilidade da Câmara Municipal de Serpa, Casa do Cante, Casa do Alentejo e ERT - Turismo do Alentejo, conta com os apoios do Museu do Fado, da Santa Casa da Misericórdia de Serpa, Paróquia de Santa Justa, Lisboa e a iniciativa é cofinanciada pelo Alentejo 2020, Portugal 2020 - Fundos Europeus Estruturais e de Investimento.

Nesta sexta-feira, às 18h00, a Casa do Cante recebe a atuação do Rancho de Cantadores de Aldeia Nova de S. Bento, a Sessão Oficial Comemorativa do Cante Alentejano Património da Humanidade | 2014-2015, a apresentação de moeda comemorativa do Cante (IN-CM), o lançamento de A Tradição - nova série, a exposição de Fotografia Cante . Paris . 2014, de José Serrano (Diário do Alentejo) e a atuação do Grupo Coral Feminino da ADASA.

Às 21.00, o Convento de S. Paulo de Serpa recebe o Projeto Polifonias do Mundo, o Grupo Coral e Etnográfico de Vila Nova de S. Bento, as Adufeiras de Monsanto, Cuncordu Lussurzesu, de Santu Lussurgiu (Oristiano|Sardenha) e o Grupo Coral e Etnográfico "Os Camponeses de Pias".

Sábado, 28, a Casa do Cante propõe para as 17.00 horas, a conferência Património Mundial: um novo produto turístico, com Carla Melo, da Quaternaire Portugal, Consultoria para o Desenvolvimento SA e a atuação do Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Brinches.

Às 19h00, na Taberna dos Camponeses - Pias é feita a apresentação do Roteiro Cante & Vinho do Alentejo.

Às 21h00, o Musibéria recebe o Projeto Cante Novo, com cante nas Escolas (municípios de Serpa e Cuba), com o Grupo Coral Juvenil de Vila Nova de S. Bento, o Grupo Coral "Os Mainantes" e o Projeto Monda.

Dia 29, domingo, o programa centra-se em Lisboa, na Casa do Alentejo, com a exposição de Fotografia Cante . Paris . 2014, de José Serrano (Diário do Alentejo), a presentação de A Tradição - nova série, Conferência Polifonia, com Paolo Scarnecchia, Cuncordu Lussurzesu, de Santu Lussurgiu (Oristiano|Sardenha) e o Grupo Coral e Etnográfico "Amigos do Alentejo" do Feijó.

Às 19h00, a Igreja de S. Domingos, recebe o espetáculo de encerramento, de Cante e Fado - Patrimónios do Mundo, com o Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa com o fadista Ricardo Ribeiro.


Comente esta notícia