“Através dos pequenos ecrãs, sintonizados nas redes sociais da Câmara Municipal de Serpa, há palhaços, contadores de histórias, vídeos, fotografia, marionetas, música, dança, jogos, ilustrações, livros e animação… muita animação”. “A cultura é o grande motor do desenvolvimento humano e desperta para valores de solidariedade e esperança, que tanta faltam fazem neste tempo que se vive”, diz a vereadora da Cultura de Serpa Odete Borralho.

“Histórias e poesias contadas, cantadas e dançadas, para pequenos e graúdos”, por autores como “Jorge Serafim, Pedro Paixão, Grupo de Teatro Encena, e muitos outros são as propostas desta quarta edição da FliS”, que podem ser apreciadas por estes dias do evento. Odete Borralho deixa, ainda, alguns destaques do programa que pode apreciar neste sábado, dia 16.

Recorde-se que a iniciativa FliS – Festa do Livro de Serpa é organizada pela Câmara Municipal, “no âmbito do Plano Municipal de Combate ao Insucesso Escolar no Concelho” e que é “cofinanciada pelo Programa Operacional Alentejo 2020, Portugal 2020.”


Comente esta notícia