Candidatura
Candidatura "Promoção Turística do Concelho de Aljustrel” aprovada

Ana Elias de Freitas - 12/02/2017 - 00:00 - Imprimir


Candidatura "Promoção Turística do Concelho de Aljustrel” aprovada


A candidatura do projeto “Promoção Turística do Concelho de Aljustrel” foi assinada, no dia 9 deste mês, durante a sessão de assinatura de termos de aceitação de projetos no âmbito do património, que decorreu no Centro Cultural de Campo Maior, com a presença, entre outras, do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques.

“A candidatura apresentada pelo Município de Aljustrel, agora aprovada, tem como objetivo preservar e proteger o ambiente e promover a eficiência energética, tendo como prioridade de investimento a conservação, proteção, promoção e desenvolvimento do património natural e cultural. A estratégia passa por promover um território que merece ser visitado, onde é bom viver e onde vale a pena investir. Aljustrel apresenta um conjunto de atrativos com fortes potencialidades turísticas. De destacar a sua forte identidade mineira e património mineiro com reconhecimento internacional. Nesse sentido, a requalificação da galeria mineira de Algares e as intervenções de recuperação ambiental das zonas mineiras desativadas irão favorecer a concretização futura de projetos de âmbito turístico, científico e lúdico-educativo, nomeadamente a constituição de um Parque Mineiro”, frisa a autarquia, em nota de imprensa.

“Esta candidatura, cofinanciada pelo Alentejo2020 - Programa Operacional Regional do Alentejo, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER”, com um investimento total elegível de 209.242,54€ e uma Contribuição Comunitária de 156.931,91€, envolve diversas ações no intuito de atrair turistas, e irá permitir intensificar as ações promocionais dirigidas ao segmento turistas e “trade”, como a participação em feiras nacionais e internacionais, a publicidade ao território e o reforço da promoção no site do município, a edição de materiais promocionais ajustados aos mercados e produtos turísticos, a utilização de novas tecnologias, como da tecnologia Beacon e de ecrãs LED, e ainda a produção de mapas, folhetos, roteiros, brochuras, merchandising, e painéis informativos”, refere ainda, o documento do Município.

COMENTE ESTA NOTÍCIA