30 mil euros para investir na área da saúde mental no concelho de Beja
30 mil euros para investir na área da saúde mental no concelho de Beja

Ana Elias de Freitas - 14/07/2017 - 00:00 - Imprimir


30 mil euros para investir na área da saúde mental no concelho de Beja


A ARIS da Planície – Associação de Reabilitação e Integração Social da Pessoa com Experiência de Doença Mental de Beja apresentou uma candidatura ao programa de financiamento nacional, na área da literacia para a saúde, luta contra o estigma e prevenção da depressão e do suicídio e viu a mesma aprovada. O projeto candidatado, o ARIS, tem a duração de um ano e foi financiado com 30 mil euros.

Neste projeto, a ARIS da Planície conta com as parcerias do Serviço de Psiquiatria da ULSBA, da autarquia bejense e da Santa Casa da Misericórdia de Beja.

A candidatura foi apresentada no final de 2016, no âmbito dos concursos abertos pela Direção Geral de Saúde para programas prioritários, entre eles o da literacia em saúde, luta contra o estigma e prevenção da depressão e do suicídio, esclareceu Ana Matos Pires. A presidente da Direção da ARIS da Planície identificou ainda, o montante atribuído ao projeto ARIS e mostrou-se satisfeita com este resultado, que permite desenvolver trabalho na área da saúde mental.

Ana Matos Pires explicou também, como vai ser operacionalizado o projeto ARIS, que tem a duração de um ano e incidência no concelho de Beja.

O projeto ARIS terá início depois da formalização do contrato de financiamento e vai permitir a recolha de dados epidemiológicos, que em muito poderão contribuir para a aplicação de programas concretos nos problemas identificados, frisou, igualmente, Ana Matos Pires.

COMENTE ESTA NOTÍCIA