Santana e Rui Rio

Em Beja estiveram os dois candidatos. Na sua passagem por Beja, distrito onde garante tem recebido bastante apoio, Pedro Santana Lopes prometeu que nas próximas autárquicas, convicto de que vai ganhar, vai ajudar a subir a votação do PSD neste território.

Rui Rio também passou pela capital de distrito para sensibilizar os militantes do PSD para que o partido seja liderante na resolução daqueles que considera ser os principais problemas do país.

Mário Simões, mandatário distrital da candidatura de Santana Lopes, espera que o seu candidato ganhe no país e no distrito. Acrescentou contudo, que o importante é que depois de hoje, o PSD se una para combater a "frente de esquerda" que governa e que no tempo certo apresente um projeto de liderança para o país.

Gonçalo Valente, mandatário distrital da candidatura de Rui Rio, acredita que o seu candidato será o vencedor neste sábado, a nível nacional e distrital, por considerar que tem demonstrado mais sentido de Estado e porque, entre outras razões, nunca foi primeiro-ministro.

O distrito com mais militantes em condições de votar é o do Porto, com 13 132 ativos, seguido do de Lisboa, com pouco mais de 11 mil. No Norte, Braga e Aveiro também têm bastante militantes ativos, 7 830 e 7683, respetivamente. Beja é o distrito com menos militantes em condições de votar, aqui exercem o seu direito 358 ativos, nas cinco concelhias do PSD e em mais duas mesas extras.

No distrito, os 358 ativos exercem, hoje, o seu direito nas mesas de voto das concelhias de Beja, Almodôvar, Odemira, Ourique e Moura, assim como nas duas mesas extras pedidas para Alvito e Serpa, das 14.00 horas às 20.00 horas.



Comente esta notícia