Simbolo da OLIVUM

Com uma produção de azeite superior a 85 mil toneladas, representando um aumento de cerca de 43% em relação à produção média das últimas cinco campanhas, torna Portugal auto-suficiente em azeite, uma vez que a quantidade produzida de azeite excede a quantidade consumida, cerca de 78 mil toneladas por ano, o que já não acontecia desde 1992, segundo dados do INE.

Ainda segundo os dados publicados, o Alentejo afirma-se como a principal região produtora de azeite, com 71,6% da produção nacional. 

A Olivum salienta que estes resultados são fruto dos grandes investimentos que o sector da olivicultura fez nos últimos anos representando um claro esforço de reconversão e modernização, cujos resultados começam a aparecer, beneficiando não apenas o sector mas também o País.

A Olivum recorda que representa já mais de 20 mil hectares de olival entre os seus associados e que o peso da olivícola na agricultura torna-se cada vez mais relevante, colocando novos desafios a todo o sector.


Comente esta notícia