Barragem Alqueva
A proposta já foi enviada para o conselho de administração da empresa Águas Públicas do Alentejo, porque os vereadores consideram que esta é a solução imediata que pode resolver os problemas, de cheiro e sabor, que surgiram na água que é abastecida a Aljustrel e Beja, através do Roxo que neste momento se encontra com apenas cerca de 30% da sua capacidade armazenada.

Manuel Nobre, vereador da CDU na autarquia de Aljustrel, afirma que este problema tem que ser resolvido no imediato.

Manuel Nobre espera agora que o conselho de administração da empresa Águas Públicas do Alentejo responda afirmativamente a esta proposta.

Comente esta notícia