ULSBA

As Administrações Regionais de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo, Alentejo e Algarve assinaram 25 Protocolos de Afiliação, envolvendo 15 unidades hospitalares.

Acordos que marcam um novo rumo na Saúde em Portugal, com vista a melhorar o serviço prestado aos utentes e contribuindo para a otimização de recursos humanos e materiais. Os protocolos têm como objetivo melhorar articulação entre as unidades hospitalares, permitindo assim ganhos de eficácia dentro do Serviço Nacional de Saúde (SNS), em áreas tão diversas como Anatomia Patológica, Psiquiatria, Oncologia, Radioterapia, Ortopedia, Dermatologia, Urologia/Litotrícia, Hematologia ou Cirurgia Vascular, ou ainda protocolos de aquisição conjunta de material de consumo clínico (próteses, reagentes, material de gastrenterologia e eletrofisiologia, ventiladores, roupa e fardamento, etc.), transporte de doentes e teleradiologia, entre outras.

O ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, assistiu à sessão de assinatura destes Protocolos de Afiliação, que decorreu no Auditório do Infarmed, no Parque da Saúde, em Lisboa. 


Comente esta notícia