Escola Primária

A providência cautelar foi entregue no Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja e a Câmara Municipal de Aljustrel recorda que antes de colocar aquela acção em tribunal, já se havia demarcado da intenção de encerrar este estabelecimento, informando o Ministério da Educação que não irá garantir o transporte dos alunos afectados pela decisão, tomada unilateralmente pela tutela, tendo solicitando, na altura, o regime de excepção para o encerramento de escolas no Concelho.


Comente esta notícia