C M Beja - Protocolo Refeições

Casa do Povo do Penedo Gordo,  Centro Social Nossa Senhora da Conceição, em Baleizão, Centro Cultural e Recreativo do Bairro da Esperança, Centro Social do Concelho de Beja, na freguesia de Beringel, Casa do Povo das Neves e Associação "Amigos de Trigaches" são as associações que passam agora, a assegurar o serviço de refeições no presente ano lectivo.

O vereador Vítor Picado explicou que a empresa que assegurava aquele serviço não conseguiu corresponder ao esperado, que a sua prestação de serviços terminou em Julho passado e que esta é uma solução, legal, que garante a melhoria da qualidade das refeições.

Através desta nova dinâmica fomenta-se a economia local, porque as instituições compram no concelho e consegue-se por um valor, mais ou menos idêntico ao do ano anterior, ter mais qualidade e ver o número de alunos que opta por fazer as suas refeições nas escolas aumentar, frisou também Vítor Picado.

Satisfeitas com a assinatura destes documentos estavam também as associações locais e disseram isso mesmo, à Voz da Planície, Filipe Inácio, do Centro Cultural e Recreativo do Bairro da Esperança, que vai fornecer 114 refeições, José Pinheiro, do Centro Social do Concelho de Beja, na freguesia de Beringel, que vai servir 121 refeições, e Jorge Mata, da Casa do Povo de Nossa Senhora das Neves, responsável por 41 refeições.

Os pagamentos às associações vão ser feitos mensalmente e à Câmara de Beja, cada refeição, vai custar 2,60 euros.


Comente esta notícia

Galeria de fotos