Manifestação Alunos

A concentração começa às 08.10 horas, frente às escolas, para sair às 08.45 horas em direcção às Portas de Mértola, com o objectivo de passar pela Praça da República e de culminar na Casa da Cultura.

Esta manifestação tem como objectivo denunciar os problemas que os estudantes estão a enfrentar e mostrar ao Governo o descontentamento dos mesmos,  com as políticas educativas seguidas e executadas.

A escola pública está a enfrentar cortes severos e depois de terem lutado em Outubro de 2013, contra o Orçamento do Estado para o corrente ano voltam hoje às ruas, para dizerem basta, aos sucessivos ataques que têm sido ministrados e que condicionam a formação de centenas de alunos. As declarações são do aluno Luís Silva, da Escola Secundária D. Manuel I e da organização do protesto, em Beja.

A aluna Ana Costa, da Escola Secundária Diogo de Gouveia e também da organização do protesto, em Beja, para além de identificar os objectivos da manifestação, disse que os discentes vão tentar chegar à fala, mais uma vez, com um vereador da autarquia bejense e que espera que a mensagem de que basta de cortes na escola pública chegue a quem decide.


Comente esta notícia