Parlamento

Esta é uma questão que não reúne consenso entre a sociedade portuguesa e, sobretudo nos últimos tempos têm surgido argumentos de quem defende e de quem é contra a eutanásia. No Parlamento CDS-PP e PCP vão votar contra, BE, PEV e PAN a favor e o PS e o PSD optaram pela liberdade de voto. Nesta jornada informativa revelamos qual a posição dos deputados eleitos por Beja.

João Dias, do PCP, vota contra e um dos motivos que invoca é porque considera que o fundamental é investir na vida. Considera ainda que não foi feita uma reflexão suficiente sobre o assunto que, na sua opinião, surgiu de um certo mediatismo e não de uma necessidade urgente.

Nilza de Sena, do PSD, também vai votar contra e afirma que são questões de ordem pessoal e política que a levaram a tomar essa decisão. Para Nilza de Sena em causa está uma matéria delicada, profunda e complexa e na sua opinião a aposta devia ir para os cuidados paliativos e colocar a ciência ao “serviço de ajudar quem sofre”.

Pedro do Carmo, do PS, afirma que o seu sentido de voto só vai ser revelado na altura da votação. O deputado considera que é importante decidir em consciência numa questão como esta e garante que consegue ser sensível aos dois lados.






Comente esta notícia