Governo Civil
O principal ponto da ordem de trabalhos é a votação da proposta de Orçamento e as Grandes Opções do Plano da Câmara Municipal de Beja para 2018.

Recorde-se que o município de Beja aprovou na reunião extraordinária, realizada na passada 4ªfeira, as Grandes Opções do Plano, Orçamento e Mapa de Pessoal do Município para 2018, com os votos a favor da maioria PS e as abstenções dos vereadores da CDU. São cerca de 34 milhões de euros para gerir em 2018, mais 600 mil euros que em 2017.

Segundo a autarquia bejense, este orçamento, marcado pelo rigor e transparência, vem concretizar alguns projectos que transitaram do mandato anterior e lançar novas ideias. Para 2018 são prioridades a recuperação urbanística, o aumento de 5% no valor das transferências para as freguesias do concelho, o apoio aos Bombeiros Voluntários de Beja, em mais 10% e uma intervenção diferenciadora" no Mercado Municipal, nas Piscinas Descobertas e na Casa da Cultura.

Ainda de acordo com a autarquia, o desporto, o Parque Habitacional e os arruamentos nas freguesias são outras prioridades.

Nesta sessão é feita também, a eleição da Mesa da Assembleia Municipal de Beja, que está sem presidente, desde o passado dia 21 de dezembro, data em que Fernando Romba renunciou ao cargo por ter assumido as funções de 1º secretário da CIMBAL.


Comente esta notícia