Autonomia e Descoberta

O projeto arrancou no passado dia 19, em Paris, com uma ação de apresentação, que se prolonga até ao próximo domingo, dia 24 e que conta com a representação de um participante por país.

Francisco Pedro Torrão, membro da direção da Cooperativa Autonomia e Descoberta explica, à Voz da Planície, que o My Earth é um projeto financiado pela Comissão Europeia, no âmbito do programa ERASMUS+.

Portugal, França, Hungria, Uruguai, Argentina e Paraguai são os países que integram este projeto que terá a duração de 20 meses, contando com várias ações e atividades em todos os países parceiros.

Francisco Pedro Torrão revela os objetivos gerais deste projeto, que tendo por base a inovação e a criatividade, pretende capacitar o empreendedorismo jovem e a empregabilidade.

A próxima ação, que acontece já a partir da próxima segunda-feira, dia 25, será uma visita de estudo à Hungria, uma iniciativa que a Voz da Planície irá acompanhar.

Recorde-se que a Cooperativa Autonomia e Descoberta, entidade sem fins lucrativos, tem como objecto a realização de actividades nacionais e internacionais, baseando a sua actuação nos princípios da aprendizagem não formal e da cidadania participativa, assim como promover a tolerância, o diálogo intergeracional e o desenvolvimento rural e urbano. 


Comente esta notícia