Congresso Mariana

Cerca de meia centena de participantes, oriundos de sete países, estão reunidos em Beja para fazerem um exame aprofundado dos estudos já realizados e o lançamento de novos trabalhos sobre a clarissa alentejana e o mundo barroco em que viveu.

Esta é uma organização de investigadores da Universidade Nova de Lisboa, em colaboração com a Universidade de Massachusetts e com a Câmara Municipal de Beja. Investigadores portugueses e estrangeiros reúnem-se para debater a obra de Soror Mariana, cuja paixão permanece no centro da galeria de mitos de amor portugueses.
Paulo Arsénio, presidente da autarquia de Beja, afirma que os trabalhos do Congresso realizam-se neste sábado e domingo e que há um conjunto de propostas para os participantes. Segundo Paulo Arsénio o Congresso, que destaca uma das maiores figuras de Beja, decorre no Centro Social do Lidador e na Santa Casa da Misericórdia de Beja.


O programa do Congresso, dias 16 e 17 pode ser consultado no facebook da Câmara Municipal de Beja.


Comente esta notícia