Rui Rio

Esta cidade foi escolhida para receber as comemorações do aniversário, porque é o local do interior do país que personifica alguns dos maiores desafios de Portugal no presente, designadamente a necessária reforma da descentralização.

A sessão solene das comemorações, realiza-se, no sábado às 12.00 horas, no Pax Julia Teatro Municipal de Beja e inclui a homenagem a Mota Amaral, Alberto João Jardim, Francisco Pinto Balsemão, fundador e militante n.º1 e Rui Rio, presidente da Comissão Política Nacional do PSD. Hoje o programa inclui visitas e reuniões com várias entidades e instituições do distrito de Beja com destaque para a Câmara Municipal de Beja, Cáritas, ULSBA, FairFruit, IPBeja, EDIA e Movimento Beja Merece+.

Marciano Lopes, comissário nacional para as comemorações, começa por assinalar o facto de Beja ter sido escolhido, uma vez que é o distrito onde o PSD tem mais dificuldades a nível de resultados eleitorais.

O Pax Julia é um local simbólico para o PSD, em Abril de 1975, houve um comício do então PPD que foi interrompido por forças radicais, o agora Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, participava nessa iniciativa. Marciano Lopes recorda esse momento que certamente não vai ser esquecido na sessão deste sábado.




Comente esta notícia