Congresso do Milho

No final daquele fórum de reflexão e de debate em torno dos novos mercados do milho, o presidente da ANPROMIS, Luíz Vasconcellos e Souza, fez um balanço positivo do evento, evidenciando alguns aspectos. Frisou que Beja passa a ser um polo de cultura de regadio, que esta zona já ultrapassou o Mondego em termos de produção e que existe motivação para o tema, assim como mercado a avaliar pelo número de participantes.

A sessão de encerramento foi presidida pelo secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural e Francisco Gomes da Silva disse que sem regadio não temos agricultura. O governante deixou também algumas palavras sobre Alqueva, dizendo que para alguns este projecto é a joia da coroa para a agricultura, mas foi ainda, mais longe, frisando que Alqueva é a própria coroa. Francisco Gomes da Silva acrescentou que só daqui a alguns anos será possível avaliar a dimensão do impacto de Alqueva no Alentejo e no País.


Comente esta notícia

Galeria de fotos