Produção Viseiras

Segundo explica a autarquia aljustrelense, “esta nova técnica vai permitir acelerar o processo e produzir este equipamento individual de proteção em maior quantidade e qualidade”.

No entanto, a Câmara de Aljustrel vai continuar “a produção de viseiras de rosto, recorrendo às técnicas utilizadas anteriormente, nomeadamente, viseiras de vinil produzidas através de laser e em impressão 3D, através dos equipamentos que tem instalados no mesmo espaço de fabricação digital, numa parceria com a Associação Buinho.

A autarquia realça que “toda a produção da Câmara de Aljustrel, no que diz respeito a equipamento de proteção individual, destina-se à doação, em particular, a instituições de solidariedade social, serviços de saúde, associações de bombeiros, GNR, entre outras entidades públicas.

“O design desta nova viseira foi cedido pela empresa Rectângulo Vermelho, sediada no Pólo Industrial de Aljustrel”, refere ainda o município.


Comente esta notícia

Galeria de fotos