vila de Castro Verde

Os projetos em causa estão integrados no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) de Castro Verde e têm assegurado financiamento de 85% do FEDER (Alentejo 2020), refere, também, a autarquia.

O Município de Castro revela, ainda, que o projeto do eixo Largo Vítor Prazeres/Rua António Francisco Colaço tem um investimento previsto de cerca de 136 mil euros e que ao mesmo tempo “será requalificada a Rede de Água”, num valor de 12 mil e 950 euros. Já o projeto do Jardim do Padrão custará cerca de 729 mil euros, valor a que acresce a “requalificação da Rede de Águas” com 32 mil 550 euros.


Comente esta notícia