Todos os Santos

O dia de Todos os Santos é celebrado em honra de todos os santos e mártires, conhecidos ou não. A Igreja Católica celebra esta festa a 1 de novembro, seguido do dia dos fiéis defuntos, a 2 de novembro.

O dia de Todos os Santos foi instituído com o objetivo de suprir quaisquer faltas dos fiéis em recordar os santos nas celebrações das festas ao longo do ano. Esta tradição de recordar os santos está na origem da composição do calendário litúrgico, em que constavam inicialmente as datas de aniversário da morte dos cristãos martirizados como testemunho pela sua fé, realizando-se nelas orações, missas e vigílias, habitualmente no mesmo local ou nas imediações de onde foram mortos.

O primeiro registo de um dia comum para a celebração de Todos os Santos remonta ao século IV d.C. . Conta-se também que, antigamente, neste dia, logo pela manhã, grupos de crianças batiam às portas para pedir que lhes dessem os "santinhos" pela alma das pessoas que já morreram. As crianças levavam nas mãos uma bolsa de pano e quando faziam o pedido recebiam dinheiro, maçãs, castanhas, rebuçados, nozes, bolos, chocolates…


Comente esta notícia