CGTP

A CGTP protesta contra "a política de agravamento da exploração e empobrecimento, de cortes nos salários e atropelo dos direitos e assume o compromisso de levar a cabo uma ampla ação de esclarecimento, mobilização e luta, reforçando a unidade dos trabalhadores", tal como explica Maria da Fé Carvalho, da União dos Sindicatos do Distrito de Beja, estrutura afeta à CGTP.

“Plenários nas autarquias e com professores, reuniões nas IPSS e com trabalhadores da área das tecnologias são algumas das ações que marcam a passagem desta semana de luta pelo distrito”, avançou, ainda, Maria da Fé Carvalho. Revelou, também, a “realização, nesta terça-feira de manhã, à porta do Hospital, de um plenário de enfermeiros, em defesa das carreiras destes profissionais”.

A semana de luta da CGTP termina sexta-feira com a realização, em Lisboa, de um plenário alargado onde marcam presença representantes de diversos setores de atividades do distrito de Beja.


Comente esta notícia