Jorge Revez _ Prémio

O trabalho de gestão sustentável realizado pela ADPM no Monte do Vento, em Mértola, e em Porto Novo (Ilha de Santo Antão) em Cabo Verde, foi distinguido pelo Secretariado Executivo da Convenção das Nações Unidas de Combate à Desertificação.

Jorge Revez, presidente da ADPM, dá a conhecer à Voz da Planície que trabalho é este que deu origem à distinção. 

A partir do Monte do Vento, propriedade no concelho de Mértola da responsabilidade da ADPM, são desenvolvidas boas práticas, formação e sensibilização a outros produtores, proprietários, caçadores que, a pouco e pouco, vão adoptando atitudes benéficas à conservação dos ecossistemas. Parcerias, workhops, seminários, acções de investigação científica são alguns dos procedimentos que fazem parte da acção da ADPM. 

Através do programa "Campeões das Zonas Áridas" são distinguidas actividades de pessoas ou entidades que se tenham envolvido activamente na promoção de intervenções de gestão sustentável para o combate à desertificação, à degradação dos solos e à seca. Sob o lema "Eu sou parte da solução", a iniciativa foca-se no empenho e esforços desenvolvidos para melhorar os meios de subsistência das populações rurais nas zonas áridas, bem como na criação de condições de conservação dos ecossistemas afectados pela desertificação. 


Comente esta notícia