cuba trabalhadores

Segundo o município, 13 destes postos de trabalho são resultantes de uma série de concursos públicos lançados em Julho deste ano, e vêm juntar-se aos 21 colaboradores que viram agora a sua situação laboral regularizada ao abrigo do PREVPAP-Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública.

No total, as novas contratações representam para a Câmara Municipal de um investimento anual a rondar os 300 mil euros, “sublinhando assim a forte preocupação da autarquia em investir no capital humano e nas condições de trabalho dos seus colaboradores”, tal como afirma o presidente da Câmara Municipal de Cuba, João Português, identificando as áreas funcionais abrangidas.





Comente esta notícia