Paulo Sande

O candidato reuniu-se com representantes do Movimento Beja Merece+ e da Plataforma Alentejo. No final destes encontros, Paulo Sande, em entrevista à Voz da Planície, garantiu que se revê nas preocupações que lhe foram transmitidas e acusou o Estado de ignorar questões fundamentais e de "empurrar com a barriga" a resolução das mesmas referindo-se à electrificação da linha férrea entre Beja e Casa Branca, às acessibilidades rodoviárias e ao aeroporto de Beja.

Para Paulo Sande a coesão territorial é fundamental e tem que estar a par com a coesão social para que o país se desenvolva, porque Portugal não se pode atrasar na dimensão europeia.

Esta foi a primeira passagem de Paulo Sande por Beja, o cabeça-de-lista do Aliança prometeu regressar nos próximos tempos e garantiu que vai estar presente na Ovibeja. Ainda segundo Paulo Sande, "fazer política significa estar ao serviço das pessoas" mesmo em regiões com pouco votos como é o caso do distrito de Beja.


Comente esta notícia

Galeria de fotos