Pedro do Carmo

A região ainda não tem casos, mas Pedro do Carmo considera que “será uma questão de tempo”. Neste momento que se vive em que as consequências são imprevisíveis, Pedro do Carmo pede bom-senso e que sejam seguidas as recomendações da Direção-geral de Saúde.

O presidente da Federação do Baixo Alentejo do PS e também deputado eleito por Beja, Pedro do Carmo, considera que será preciso “encontrar forças e iniciativas para ultrapassar tudo o que está presentemente em causa”. Diz mesmo, que esta é a “altura para se pensar em ideias e perspetivas para implementar depois deste período que não se sabe quanto tempo vai durar”.


Comente esta notícia