Apresentação Festival de BD

O evento deste ano foi apresentado à comunicação social pelo presidente da Câmara, numa sessão em que João Rocha explicou os motivos pelos quais, o Festival Internacional de BD de Beja saiu da Casa da Cultura para o centro histórico. O autarca justificou esta mudança e revelou, em simultâneo, um conjunto de iniciativas que a autarquia pretende promover no centro histórico nos próximos meses.

Ao mentor, e responsável pela organização do Festival desde a sua primeira edição, Paulo Monteiro, coube a apresentação do evento de 2016. Neste contexto frisou que se conseguiram reunir um conjunto de situações que o levam a crer que a edição deste ano será a melhor de sempre".

Paulo Monteiro referiu ainda, que a saída da Casa da Cultura para o centro foi importante para a dinâmica do Festival e para chegar a mais público.

O Festival começa no dia 27 deste mês, para se prolongar até 12 de junho, as exposições vão centrar-se em 14 núcleos do centro histórico, em que o principal é o Pax Julia, recebe diversos autores de BD, nos primeiro fim-de-semana, com nomes bastantes conhecidos, e comerciais, assim como, autores em início de carreira, como é habitual neste evento e sugere, igualmente, 15 dias de programação paralela, com cinema, mercado do livro e concertos desenhados.


Comente esta notícia