CIMBAL

Fernando Romba, presidente da Assembleia Intermunicipal da CIMBAL, diz que aquela moção exprime o sentir das populações, relevou o facto, de ser uma posição conjunta e frisou que a mesma significa também, um grito de revolta contra tudo o que se tem passado no Interior do País.

A moção foi apresentada pelo Grupo do Partido Socialista na Assembleia Intermunicipal da CIMBAL, foi aprovada por unanimidade e enviada ao presidente da República, primeiro-ministro, à ministra da Justiça e à das Finanças, ao ministro da Educação, secretário de Estado das Autarquias Locais, grupos parlamentares na Assembleia da República, assembleias municipais e órgãos de comunicação social.


Comente esta notícia