Encontro Mértola

Uma reunião científica de carácter internacional que tem como objetivos homenagear uma geração de mestres que marcou profundamente as gerações que se seguiram de arqueólogos e historiadores - e, refletir sobre alguns dos temas que estes pioneiros trataram e as novas vias de investigação que abriram, como no caso da arqueologia medieval.

No primeiro dia, sexta-feira, pelas 11h00, tem lugar a sessão solene em que, após as intervenções das autoridades presentes (reitores das Universidades de Évora, Algarve e Coimbra, Diretor da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, Diretora Regional da Cultura e Presidente da Câmara Municipal de Mértola), será feita a homenagem aos Professores António Borges Coelho, José Luís de Matos, José Mattoso, Jorge de Alarcão, Cláudio Torres e Juan Zozaya.

Durante a tarde, é feita uma Visita aos principais museus e monumentos da vila de Mértola.

Sábado, 18, tem lugar o encontro científico propriamente dito, com quatro sessões temáticas: Território e povoamento, O aproveitamento dos recursos, Formas de habitar e amanhar a terra e O quotidiano e os seus artefactos.

Após a conclusão dos trabalhos será assinado um Acordo de Colaboração entre a Faculdade de Ciências Humanas e Sociais da Universidade do Algarve e o Campo Arqueológico de Mértola para o desenvolvimento, em Mértola, de cursos de 2º e 3º ciclos (mestrados e doutoramentos) e serão apresentadas as Atas do X Congresso Internacional sobre a Cerâmica Medieval no Mediterrâneo e o nº 13 da Revista Arqueologia Medieval. Distância

Esta iniciativa do Campo Arqueológico de Mértola conta, para a sua organização, com a parceria do novo Centro de Estudos em Arqueologia e Ciências do Património (FCT), das Universidades de Coimbra, Algarve, Évora e Nova de Lisboa, da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e do Instituto de Estudos Medievais. Conta, igualmente, com o apoio da Direção Regional da Cultura do Alentejo, o CITCEM da Universidade do Porto e a Câmara Municipal de Mértola.


Comente esta notícia