Alunos Enfermagem

No documento enviado à nossa redação, o IPBeja refere que “tem vindo a demonstrar ser uma instituição participativa, interventiva, solidária e consciente, centrada na exigência, no rigor, na confiança e na atenção individual que cada um, que estuda ou trabalha nesta instituição de ensino superior, merece” e que “a ligação ao meio” é “um elemento central do serviço público” prestado. Neste contexto, estudantes finalistas do curso de licenciatura em Enfermagem da Escola Superior de Saúde, do Instituto Politécnico de Beja, em contexto de estágio final de curso, participam no Projecto COVID 70+, na realização de testes em Lares do Baixo Alentejo.

Recorde-se que a realização destes testes é assegurada pelo protocolo estabelecido entre Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, e o Algarve Biomedical Center – ABC. A operacionalização do programa no Baixo Alentejo é assegurada por uma parceria alargada, contando com a CIMBAL, o Centro Distrital do Instituto da Segurança Social, a Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, a Autoridade de Saúde, as Comissões Distrital e Municipais de Proteção Civil e a Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Beja, sob coordenação do secretário de Estado Adjunto da Defesa Nacional, Jorge Seguro Sanches.


Comente esta notícia