Templo Beja

A iniciativa está marcada para o Museu Nacional de Arqueologia, em Lisboa, chama-se "Arqueologia em Portugal recuperar o passado em 2015", é da responsabilidade da Direção Geral do Património e visa a apresentação de projetos e escavações mais importantes do ponto de vista arqueológico, no ano transato.

A arqueólogo Conceição Lopes é a responsável pelo projeto "O Fórum da cidade romana Pax Julia e a sua dinâmica na longa duração" e explicou à Voz da Planície a relevância do mesmo, a nível nacional, frisando que se deve ao facto, entre outros aspetos, de ter revelado, desde o início, elementos que podem ser integrados noutras estruturas de desenvolvimento da cidade e achados arqueológicos únicos, no país e no mundo.

Conceição Lopes avançou também, à nossa estação como vai ficar o espaço onde o Fórum da cidade romana Pax Julia está instalado e que o mesmo vai permitir contar a história de Beja, desde a ocupação romana até à atualidade.

Conceição Lopes revelou ainda, que as obras do projeto de recuperação do edifício, e espaços exteriores, está em bom andamento e que acredita ser possível, dentro de um ano, ou seja na Beja Romana de 2017, já estar a descoberto o Fórum da cidade romana Pax Julia.


Comente esta notícia