DOC LISBOA 2015

Naquelas datas, o Auditório do Fórum Municipal recebe a exibição dos documentários "Phil Mendrix", de Paulo Abreu (Prémio do Público / Prémio do jornal Público / Melhor Filme Português), e "Talvez Deserto, Talvez Universo", de Miguel Seabra Lopes e Karen Akerman (Prémio Íngreme do Júri da Competição Portuguesa).

O DocLisboa’15 pretende questionar o presente do cinema, em diálogo com o seu passado, assumindo-o como um modo de liberdade. O Festival tenta ser um lugar de imaginação da realidade através de novas formas possíveis de ação. Os filmes portugueses voltaram a marcar presença no festival, não só na competição, como nas suas várias secções.


Comente esta notícia