João Pedro Caeiro candidato do PSD a Beja

João Pedro Caeiro afirma, em jeito de balanço, que a inexistência de diálogo com a Câmara de Beja foi apontada como uma das maiores preocupações e entrave ao desenvolvimento, por parte dos executivos das juntas de Freguesia com quem teve a oportunidade de se reunir. A falta de renegociação do protocolo de transferência de competências, assim como de apoios por parte da autarquia bejense, a clubes associações e outras instituições de carácter desportivo e cultural foram algumas das lamentações que lhe fizeram também.

A taxa de desemprego, o envelhecimento da população e o preço da água e taxa de tratamento de resíduos, considerados bastante elevados, foram temas comuns a todas as freguesias, frisou, igualmente, o candidato João Pedro Caeiro.

A extinção de algumas juntas de freguesia no concelho de Beja foi outro dos assuntos abordados, segundo João Pedro Caeiro. O candidato referiu que as populações estão preocupadas com os serviços que vão perder no futuro e os mais idosos com o facto de não terem capacidade de mobilidade suficiente para fazer face a essas necessidades.

Para João Pedro Caeiro é fundamental que o futuro Executivo da Câmara Municipal de Beja venha a demonstrar mais sensibilidade para com as questões que levantou e voltou a referir que a criação de um Gabinete de Apoio às Freguesias ajudaria a resolver estes problemas, apostando no acompanhamento e proximidade permanentes.

 

Comente esta notícia