GNR

Na sua área de responsabilidade, a GNR irá empenhar mais de 5 000 militares, os quais tomarão as medidas indispensáveis para assegurar aos cidadãos o exercício dos seus direitos, liberdades e garantias, cabendo ainda à GNR a responsabilidade de garantir a distribuição dos boletins por todas as Assembleias de Voto e, no final, proceder à sua recolha e entrega nas respetivas câmaras municipais.

Durante o ato eleitoral, a GNR, através do seu Centro Integrado Nacional de Gestão Operacional, procederá à monitorização de todas as ações desenvolvidas no processo de distribuição, recolha e entrega dos boletins de voto, assim como de possíveis incidentes ou alterações da ordem pública.


Comente esta notícia