GNR Trânsito

O objetivo desta ação é inverter a tendência de aumento da sinistralidade e de contribuir para um ambiente rodoviário mais seguro.

Durante esta operação estão empenhados militares dos Comandos Territoriais e da Unidade Nacional de Trânsito, que estão especialmente atentos aos seguintes aspetos:: uso do capacete; manobras perigosas; excessos de Velocidade; não utilização de equipamentos de proteção; estado dos pneumáticos, sistemas de iluminação e matrícula; condução sem habilitação legal e condução sob o efeito do álcool e de substâncias psicotrópicas.

Os militares efetuam, igualmente, no âmbito desta operação, ações de sensibilização dirigidos aos condutores de motociclos e ciclomotores, aconselhando o seguinte: o uso do capacete, vestuário de proteção resistente e material retrorrefletor; a obrigação de circular sempre com os médios acesos, para ser visto; não circular entre filas de veículos e a dequar a velocidade ao estado do piso e garantir as distâncias de segurança.


Comente esta notícia

Galeria de fotos