Vacina Covid-19

O país deverá contar com um total de 22 milhões de doses de vacinas, que serão administradas nos centros de saúde. As primeiras doses deverão chegar em janeiro de 2021. Entretanto, o Governo nomeou uma Comissão a quem cabe dar orientações para este plano de vacinação e é esta estratégia que é revelada hoje, depois de aprovada pela DGS.

Na sua passagem por Beja, António Lacerda Sales explicou que “o plano de vacinação previsto contra a Covid-19 vai ter como prioridades os mais idosos e doentes com comorbilidades”. Revelou, ainda, que “as pessoas não vão ser todas vacinadas ao mesmo tempo, pois os lotes que vão chegando vão ser distribuídos por grupos prioritários”. Assegurou, contudo, que vai haver “um grau de cobertura amplo e largado”.

A apresentação do plano português acontece numa altura em que vários países europeus já anunciaram as suas estratégias de vacinação. Recordo que há já duas vacinas em fase avançada, nomeadamente a da Pfizer e a Moderna.


Foto: "Notícias ao Minuto".


Comente esta notícia