Manifestação

O protesto, convocado pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, está marcado para as 14.30 horas, no Marquês de Pombal, os manifestantes seguem depois a pé em direcção à Residência Oficial do 1º Ministro, António Costa.

Vasco Santana, representante da Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública no distrito de Beja, afirma que os aumentos salariais e as progressões nas carreiras são dois dos motivos que levam ao protesto.

Ainda segundo, Vasco Santana as expectativas dos trabalhadores em relação a este Governo saíram goradas porque, em final de mandato, continua a faltar a reposição de vários direitos que tinham sido retirados.



Comente esta notícia