I Feira da Música de Beja

A feira tem como principais objectivos a divulgação, a dinamização e a aprendizagem de várias áreas artísticas e culturais ligadas ao sector musical, através de uma programação diversificada, avançou à Voz da Planície Miguel Ferro, da Zarcos - Associação de Músicos de Beja.

A banda sonora da I Feira da Música, nesta sexta-feira, inclui concertos das formações t.204, André D\'InI, Rafael Toral, Anamar & M-Pex e Associação Portuguesa de Didgeridoo.

Neste sábado há demonstração de guitarra por Paulo Santos, da banda Hard Tension, e os concertos de Daisy, Tango Paris, The Stray, Vítor Rua - Heavy Mental e Daisy & The Kibido Band.

No domingo actua Mendigo Blues e está previsto um concerto de encerramento.

A feira inclui ainda, a conferência Hasta La Vista Baby: Música Subliminal para Cinema, por Vítor Rua, músico fundador do duo Telectu e da banda GNR, dois workshops de didgeridoo, um de nível I e outro de nível II, um sobre como criar música no século XXI, um de danças europeias e outro de set-up de guitarra e baixo.

Nas sessões de cinema previstas podem ser apreciados os filmes "Movimentos Perpétuos - Tributo a Carlos Paredes", nesta sexta-feira, às 21 e 30 horas. "Música em Pó" é a proposta de cinema para este sábado, também às 21 e 30 horas. "Meio Metro de Pedra" passa no domingo, às 15 e 30 horas.

A exposição Bandas Sonoras com fotografias de Rita Carmo pode ser apreciada durante os três dias do evento.

A conferência, a exposição, as sessões de cinema e os concertos no palco exterior têm entradas livres e as restantes ofertas requerem pagamento.


Comente esta notícia