ENCONTRO ERVAS AROMÁTICAS

Trata-se de um evento que visa promover, as plantas aromáticas e medicinais e ervas silvestres do Alentejo, assim como reunir produtos e promotores das diferentes espécies, dando relevo às componentes científicas, comerciais, pedagógicas e sociais que as ervas possibilitam.

Uma realização, que tem como objectivo, em 2014, tentar perceber se a fileira das ervas aromáticas e medicinais é, ou não, uma alternativa sustentável para os territórios rurais e para a qual a ADPM tem as melhores expectativas, tendo em atenção o sucesso obtido no ano transacto. As declarações são de Jorge Revez, presidente da Associação de Defesa do Património de Mértola.

Optar por esta alternativa, pela fileira das ervas aromáticas e medicinas, pode ajudar a contribuir para a fixação de população nestes territórios de baixa densidade e perceber a sua influência, assim como a expressão que a mesma já assume nos mercados externos são, alguns, dos outros objectivos que se pretendem atingir, igualmente, com esta iniciativa avançou ainda, Jorge Revez.

Em simultâneo, a ADPM realiza também, de 26 deste mês a 1 de Junho, o II Festival de Chás e Ervas do Mundo, em Mértola e Beja.


Comente esta notícia