PORTAS DE MÉRTOLA BEJA

15 de Julho, hoje, começam oficialmente os saldos de Primavera-Verão para se prolongar até 15 de Setembro. No entanto, muitos estabelecimentos comerciais anteciparam a época de saldos e têm estado a promover, nas últimas semanas, campanhas de descontos que em muitos casos chegaram aos 50%.

Os comerciantes tentam cativar os consumidores para escoar os artigos e impulsionar as vendas porque os tempos são de crise e as vendas têm sofrido quebras significativas.

A DECO recorda que é possível poupar muito dinheiro com as reduções, mas os saldos são sobretudo interessantes para os comerciantes porque permitem escoar rapidamente os artigos da estação que está a terminar, para investir na nova coleção.

Para ter a certeza de que o negócio é vantajoso, a DECO aconselha a fazer a comparação do custo. Todos os produtos devem exibir, de forma legível e inequívoca, o preço actual e o antigo ou a percentagem de desconto.

A DECO recorda ainda que, em tempo de saldos, é obrigatório trocar um bem com defeito e que se o consumidor considerar que os seus direitos não são respeitados deve reclamar usando o livro de reclamações.






Comente esta notícia