joão dias porta hospital

Para além do contacto direto com os utentes do Centro de Saúde Beja 1 e do Hospital José Joaquim Fernandes, o deputado comunista reuniu-se com a Comissão de Utentes de Beja e com os Bombeiros Voluntários da cidade.

No encontro realizado com os Bombeiros Voluntários de Beja, João Dias revelou que ouviu queixas, algumas já antigas, nomeadamente a relacionada com o facto, de serem chamados essencialmente para transporte de doentes de curtas distâncias e de terem outras entidades a fazerem, também, as longas. O deputado assegura que esta matéria é do conhecimento do Conselho de Administração da ULSBA.

No contacto estabelecido com os utentes do Centro de Saúde Beja 1 e do Hospital José Joaquim Fernandes, João Dias avança que ouviu muitas críticas, especialmente as que têm a ver com o acesso às consultas. Sobre o encontro com a Comissão de Utentes de Beja referiu, entre outros aspetos, que a mesma vai fazer uma petição a pedir urgência na obra da 2ª fase de requalificação do Hospital José Joaquim Fernandes. João Dias frisou, ainda, que a Comissão disse que ainda não recebeu qualquer contacto dos grupos parlamentares do PS, do PSD e do CDS.

O deputado do PCP pelo distrito e candidato da CDU às eleições para o Parlamento Europeu, João Dias, preocupado com as questões da saúde em Beja, que continuam sem resposta e a deixar um alerta aos partidos para que se unam em prol da defesa das necessidades da região, que são transversais a todos.




Comente esta notícia